JESUS TE CONVIDA A PASSAR UMA HORA ESPECIAL COM ELE

Para ter uma vigília de oração constante diante do Santíssimo, precisamos assegurar-nos que em cada hora haja adoradores.

Para tanto, é necessário que cada pessoa se comprometa a tomar uma determinada hora.

Desta forma, podemos organizar todas as horas da noite, de modo que sempre haja alguém com Jesus.

A sua fé na presença de Jesus lhe ajudará a crer com convicção.

Torne-se você também um adorador (a). Faça uma experiência diante de JESUS EUCARÍSTICO

“VINDE A MIM VÓS QUE ESTAIS CANSADOS E SOBRECARREGADOS, EU VOS ALIVIAREI” (Mt 11,28).

ALEGRAI-VOS, ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS.

VINDE TODOS E ADOREMOS AO SALVADOR, JESUS SE FAZ PRESENTE NA SAGRADA EUCARISTIA, NÃO PERCA A OPORTUNIDADE DE ESTAR JUNTO A ELE. SEJA VOCÊ TAMBÉM UM ADORADOR DE JESUS CRISTO.

“A EUCARISTIA É O REMÉDIO DA IMORTALIDADE, O ANTÍDOTO CONTRA A MORTE” (Santo Inácio de Antioquia).



“A EUCARISTIA CONSISTE DE DUAS REALIDADES, A TERRENA E A CELESTE. POIS O PÃO QUE É TIRADO DA TERRA, NÃO É MAIS PÃO COMUM, UMA VEZ QUE ELE RECEBEU A INVOCAÇÃO DE DEUS E NÃO SE CORROMPE. PORTANTO, TAMBÉM NOSSOS CORPOS, QUANDO RECEBEM A EUCARISTIA, NÃO SÃO MAIS PASSÍVEIS DE CORRUPÇÃO, MAS POSSUEM A ESPERANÇA DA RESSURREIÇÃO PARA A ETERNIDADE”. (Santo Irineu, sec.II).

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

QUARESMA

Cinzas e Penitência



A Quaresma tem o seu início na Quarta-Feira de Cinzas. Ela ocorre nos quarenta dias que precedem a festa maior dos cristãos, a Páscoa. Ela nos oferece esse “tempo favorável” para deixarmos o pecado e nos voltarmos para Deus. É um chamado forte à conversão. Na Quarta-Feira de Cinzas, manifestamos o nosso desejo de iniciar uma caminhada rumo a uma verdadeira ressurreição.

As Cinzas que recebemos na Quarta-Feira de Cinzas são sinal público de arrependimento e uma forma de nos humilharmos diante de Deus, reconhecendo-nos pecadores, mas confiantes no Seu perdão misericordioso. Também nos recordam que o mundo é passageiro, assim como a nossa humanidade. O sinal das Cinzas nos traduz que somos pó e que aqui não encontramos a felicidade perfeita. O significado das Cinzas para o cristão o coloca debaixo do olhar de Deus dizendo: “É verdade Senhor, eu sou pó, em Vós está a minha verdadeira vida e salvação.”

A Igreja nos motiva e nos ajuda a encontrar este caminho de vida e salvação e também nos propõe a prática da Penitência. O objetivo não é nos fazer sofrer ou nos privar de algo que nos agrada, mas ser um meio de purificação de nossa alma. Sabemos o que devemos fazer e como viver para agradar a Deus, mas somos fracos; a Penitência nos dá forças espirituais na luta contra o pecado.

A melhor Penitência, sem dúvida, é a do Sacramento da Penitência. Jesus instituiu a Confissão em sua primeira aparição aos discípulos, no mesmo Domingo da Ressurreição (Jo 20,22), dizendo-lhes: “a quem vocês perdoarem os pecados, os pecados estarão perdoados”.

Não há graça maior do que ser perdoado por Deus, estar livre das misérias da alma e estar em paz com a nossa consciência. Jesus venceu as tentações com jejum e oração. Da mesma forma, a Igreja quer nos ensinar como vencer as tentações de hoje por meio da Penitência e da oração. Só venceremos o pecado praticando aquilo que é oposto a ele.

Assim, para vencer o orgulho, devemos viver a humildade; para vencer a ganância devemos ser caridosos; para vencer a impureza, praticar a castidade; para vencer a gula, jejuar; para vencer a ira, aprender a perdoar; para vencer a inveja, ser bom; para vencer a preguiça, levantar-se e ajudar ao próximo. Cada um de nós deve fazer na Quaresma um “programa espiritual” que nos ajude a encontrar o verdadeiro sentido da Morte e Ressurreição do Senhor e a celebrar com dignidade também a nossa Páscoa, ou seja, a passagem de nossa vida velha para uma vida nova, em Cristo Jesus.

Fonte: Delfina de Jesus Gaiote

Nenhum comentário: