JESUS TE CONVIDA A PASSAR UMA HORA ESPECIAL COM ELE

Para ter uma vigília de oração constante diante do Santíssimo, precisamos assegurar-nos que em cada hora haja adoradores.

Para tanto, é necessário que cada pessoa se comprometa a tomar uma determinada hora.

Desta forma, podemos organizar todas as horas da noite, de modo que sempre haja alguém com Jesus.

A sua fé na presença de Jesus lhe ajudará a crer com convicção.

Torne-se você também um adorador (a). Faça uma experiência diante de JESUS EUCARÍSTICO

“VINDE A MIM VÓS QUE ESTAIS CANSADOS E SOBRECARREGADOS, EU VOS ALIVIAREI” (Mt 11,28).

ALEGRAI-VOS, ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS.

VINDE TODOS E ADOREMOS AO SALVADOR, JESUS SE FAZ PRESENTE NA SAGRADA EUCARISTIA, NÃO PERCA A OPORTUNIDADE DE ESTAR JUNTO A ELE. SEJA VOCÊ TAMBÉM UM ADORADOR DE JESUS CRISTO.

“A EUCARISTIA É O REMÉDIO DA IMORTALIDADE, O ANTÍDOTO CONTRA A MORTE” (Santo Inácio de Antioquia).



“A EUCARISTIA CONSISTE DE DUAS REALIDADES, A TERRENA E A CELESTE. POIS O PÃO QUE É TIRADO DA TERRA, NÃO É MAIS PÃO COMUM, UMA VEZ QUE ELE RECEBEU A INVOCAÇÃO DE DEUS E NÃO SE CORROMPE. PORTANTO, TAMBÉM NOSSOS CORPOS, QUANDO RECEBEM A EUCARISTIA, NÃO SÃO MAIS PASSÍVEIS DE CORRUPÇÃO, MAS POSSUEM A ESPERANÇA DA RESSURREIÇÃO PARA A ETERNIDADE”. (Santo Irineu, sec.II).

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

SANTA CLARA DE ASSIS - 11 DE AGOSTO.

Santa Clara nasceu em Assis, na Itália em 1193. De família nobre, dotada de grande beleza e possuidora de muitas riquezas. Aos 18 anos fugiu de casa para se consagrar a Deus, mediante a uma vida de extrema pobreza.

Naquele tempo vivia o grande Patriarca de Assis, São Francisco. A este ela se dirigiu comunicando-lhe o grande desejo que tinha de abandonar o mundo, fazer o voto de castidade e levar uma vida da mais perfeita pobreza. São Francisco reconheceu em Clara uma eleita de Deus e animou-a a persistir nas piedosas aspirações.

O procedimento de Clara provocou protestos dos pais e de seus parentes. Clara tinha uma irmã mais moça, de nome Inês. Animada por Clara poucos dias depois, abandonou também a casa e entrou para o convento.

Clara instalou-se no Oratório de São Damião, juntamente com a irmã e outras companheiras, era o início das Clarissas. Procuravam em tudo viver o ideal franciscano. Sob a direção de Clara, formaram estas a primeira comunidade que, desenvolvendo-se cada vez mais, tomou a forma de uma nova Ordem religiosa. Esta Ordem, de origem tão humilde, tornou-se celebre na Igreja Católica, onde surgiram muitas santas e muito trabalhou e se trabalha pelo engrandecimento do reino de Cristo sobre a terra.

Seu maior prazer era servir aos enfermos. Uma das virtudes que se lhe observava, era o grande amor ao Santíssimo Sacramento. Horas inteiras do dia e da noite, passava nos degraus do altar. O Santíssimo Sacramento era seu refúgio, em todos os perigos e dificuldades.

Aconteceu que a cidade de Assis fosse assediada pelos sarracenos que, a serviço do Imperador Frederico II, inquietavam a Itália. Os guerreiros tinham já galgado o muro, justamente onde estava o convento das clarissas. Tendo notícia da invasão dos bárbaros no convento, Clara dirigiu-se ao altar do Santíssimo Sacramento, tomou nas mãos a Sagrada Hóstia e assim, munida de Nosso Senhor, dirigiu-lhe o seguinte apelo em voz alta: “Quereis, Senhor, entregar aos infiéis estas vossas servas indefesas que nutris com Vosso amor? Vinde em socorro de vossas servas, pois não as posso proteger.” Ditas estas palavras, ouviu-se distintamente uma voz dizer: “Serei vossa proteção hoje e sempre”.

Dos sarracenos apoderou-se um pânico inexplicável; grande parte deles fugiu às pressas; alguns, que estavam escalando o muro, caíram para trás. Foi visivelmente a devoção de Santa Clara ao Santíssimo Sacramento, que salvara o convento e a cidade, do assalto do inimigo.

Santa Clara morreu em 11 de agosto de 1253 Foi em atenção aos grandes e numerosos milagres que se lhe observaram no túmulo, que o Papa Alexandre IX, dois anos depois, a canonizou.

Nenhum comentário: